Vingança é Natural, Não Espiritual

Quando somos maltratados, nossa resposta animalesca é ir à caça. Vingar-se é natural. O que, incidentalmente, é precisamente o problema. Vingança é natural, não espiritual. É a lei da selva. Dar graça é a lei do reino.

Pode ser que você esteja pensando, fácil pra você dizer, Max. Você não tem ideia do quanto minha vida tem sido difícil. Você está certo. Eu não tenho ideia. Mas eu tenho uma ideia bem clara de como seu futuro será, a não ser que você lide com sua raiva.

Faça um Raio X da alma do vingador e lá está: o tumor da amargura; ameaçador, maligno. Você não pode mudar o ontem, mas pode mudar sua reação ao ontem. Afinal de contas, não temos todos nós coisas o suficientes para fazer, sem contar com fazer o trabalho de Deus também? Perdoar não é dizer que o que lhe machucou estava certo. Perdoar é declarar que Deus fará o que é certo.

Clique aqui e leia o texto original.

Fonte: Max Lucado – Site Max Lucado – Devocional Diário | 14/07/2014.

Publicação: Portal do RI (Registro de Imóveis) | O Portal das informações notariais, registrais e imobiliárias!

Para acompanhar as notícias do Portal do RI, siga-nos no twitter, curta a nossa página no facebook, assine nosso boletim eletrônico (newsletter), diário e gratuito, ou cadastre-se em nosso site.


“ARREPENDEI-VOS!”, DIZ O SENHOR.

* Amilton Alvares

O chamado que vem dos céus é para que todos se arrependam dos seus pecados e que nenhum se perca pelo caminho espinhoso da vida. Quem quiser se queixar, queixe-se então dos próprios pecados, pois a ordem de Deus é:  – “Arrependei-vos”! O clamor de Jesus Cristo que vem da cruz do calvário atravessa a história e permanece vigoroso: “Pai, perdoa-os, porque não sabem o que fazem”. O ensino do discípulo amado encerra a questão e não deixa dúvidas para a compreensão do problema do homem: “Se dissermos que não temos pecado, fazemos a própria palavra de Deus mentirosa e a verdade não está em nós. Mas se confessarmos os nossos pecados, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o justo, para obter o perdão dos nossos pecados. Deus é fiel e justo para perdoar os nossos pecados” (1ª Carta de João).

Você pode passar a vida inteira procurando acertar. Pode desviar-se do mal e buscar sempre corrigir o que não saiu muito certo. Pode ser uma alma generosa que se interessa desinteressadamente pelos problemas dos outros. Pode ser um cara preocupado com as crises e  angústias da vida, sensível diante das inquietações do mundo. Pode ser um benfeitor laureado, um homem íntegro, uma mulher virtuosa, um pai amoroso, um filho diligente na velhice dos pais, um cônjuge que ama o companheiro. Você pode ser aquele tipo de homem ou mulher que vive a dor do próximo como se ela habitasse em você. Você pode ser “o cara” ou a mulher nota dez, mas tenha uma certeza: – Você é pecador.

Por ordem dos céus essa notícia precisa ser anunciada. É o que ensinou Dom Odilo Scherer acerca da alegria do Evangelho: “O Evangelho enche de alegria o coração dos que o acolhem; e eles o transmitem não como um dever pesado, mas como alguém muito feliz por ter coisas boas a comunicar”. Todo homem e toda mulher precisa reconhecer que é pecador. Precisa adquirir consciência de que não pode agradar a Deus inteiramente, por conta própria. O homem e a mulher precisam de um Salvador. E Deus já nos deu o Salvador Jesus de Nazaré, o Cristo, que pagou a conta dos nosso pecados na cruz do calvário.

O que falta então? Falta levar isso a sério, pois Jesus de Nazaré deixou claro que "“todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda"” (Mateus 7:24-27). A parte de Deus já está feita; “ "O Senhor “de novo terá compaixão de nós; pisarás as nossas maldades e atirarás os nossos pecados nas profundezas do mar"” (Miquéias 7.19). E o mestre Ary Velloso acrescentaria – “E ainda colocará uma placa com a advertência de que é proibido pescar”.

Queiramos ou não, precisamos conhecer a verdade do Evangelho.

_______________________

* O autor é Procurador da República aposentado, Oficial do 2º Registro de Imóveis, Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica da Comarca de São José dos Campos/SP, colaborador do Portal do Registro de Imóveis (www.PORTALdoRI.com.br) e colunista do Boletim Eletrônico, diário e gratuito, do Portal do RI.

Como citar este artigo: ALVARES, Amilton. "ARREPENDEI-VOS!", DIZ O SENHOR. Boletim Eletrônico do Portal do RI nº. 080/2014, de 30/04/2014. Disponível em http://www.portaldori.com.br/2014/04/30/arrependei-vos-diz-o-senhor/. Acesso em XX/XX/XX, às XX:XX.

Publicação: Portal do RI (Registro de Imóveis) | O Portal das informações notariais, registrais e imobiliárias!

Para acompanhar as notícias do Portal do RI, siga-nos no twitter, curta a nossa página no facebook, assine nosso boletim eletrônico (newsletter), diário e gratuito, ou cadastre-se em nosso site.


GENEROSIDADE CLANDESTINA

"Quando, pois, deres esmola, não toques trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas, nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que eles já receberam a recompensa. Tu, porém, ao dares a esmola, ignore a tua mão esquerda o que faz a tua mão direita; para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará." (Jesus de Nazaré) 

 

Há uma forma certa e outra errada de dar. Há pessoas que gostam de ser vistas e reconhecidas por suas doações.

 

Era um costume no tempo de Jesus os judeus fazerem doações e ajudar os outros em necessidade. Dar esmolas fazia parte da prática de uma vida justa.

 

O problema de alguns era  chamar a atenção para sua generosidade e achar que se ganhava méritos diante de Deus ou perdão dos pecados por esse ato.

 

Jesus condena tudo isso chamando os praticantes de "hipócritas". Hipocrisia significa fazer o papel de alguém quando na verdade não é.

 

Assim viver uma piedade para se mostrar para os outros, nada mais é do quer ser um ator e receber o aplauso e o reconhecimento do mundo. Pessoas que agem assim, "já receberam a recompensa".

 

A lição é: seja generoso com uma motivação correta. Aprenda a dar, mas faça isso em silêncio e de forma secreta. Faça-o para Deus.

 

Deixe que Deus veja e deixe que Ele o recompense. Não veja as necessidades sem agir, mas ao fazê-lo, faça-o para que Deus seja glorificado. 

Aprenda o grande segredo de doar de forma secreta. A generosidade clandestina, honra a Deus e tem dEle a recompensa.

* ROBERTO N.AMORIM

____________________

Como citar este artigo: N.AMORIM, Roberto. GENEROSIDADE CLANDESTINA. Boletim Eletrônico do Portal do RI nº. 069/2014, de 11/04/2014. Disponível em http://www.portaldori.com.br/2014/04/11/generosidade-clandestina/. Acesso em XX/XX/XX, às XX:XX.

Publicação: Portal do RI (Registro de Imóveis) | O Portal das informações notariais, registrais e imobiliárias!

Para acompanhar as notícias do Portal do RI, siga-nos no twitter, curta a nossa página no facebook, assine nosso boletim eletrônico (newsletter), diário e gratuito, ou cadastre-se em nosso site.