SP – CENPROT: o Protesto de Títulos migra para o mundo digital




Portal oferece consulta à base de dados de 100% dos Tabelionatos de Protesto, além de uma série de serviços digitais integrados

Lançada no início deste ano, o portal oficial da Central de Protesto do Estado de São Paulo (CENPROT), oferece aos usuários dos serviços uma série de serviços totalmente eletrônicos. Através do site www.protestosp.com.br é possível realizar consultas sobre a existência de protesto em desfavor de pessoas físicas ou jurídicas; obter certidões eletrônicas; emitir declarações de anuência para o cancelamento do protesto; fazer pedidos de cancelamento; verificação de autenticidade de documentos digitais, entre outros serviços.

Instituída pelo Provimento nº 38/2013 da Corregedoria Geral da Justiça do Estado de São Paulo (CGJ-SP), a CENPROT objetiva tornar acessível aos usuários a pesquisa à base de dados dos 428 Tabelionatos de Protesto do Estado, que está 100% integrado à plataforma digital. Só no primeiro semestre de 2016 foram realizadas 885.270 mil consultas, sendo quase 170 mil somente no mês de junho.

Buscando oferecer ainda mais comodidade aos usuários, o portal pode ser acessado em tablets ou celulares, por meio de aplicativos que podem ser baixados na Apple Store, Google Play ou ainda via QR Code.

Também Integram a CENPROT, a Central de Remessa de Arquivos (CRA) e a Central de Informações de Protesto (CIP).

Para acessar o site da CENPROT, clique aqui. (www.protestosp.com.br)

Fonte: Anoreg – BR | 20/07/2016.

Publicação: Portal do RI (Registro de Imóveis) | O Portal das informações notariais, registrais e imobiliárias!

Para acompanhar as notícias do Portal do RI, siga-nos no twitter, curta a nossa página no facebook, assine nosso boletim eletrônico (newsletter), diário e gratuito, ou cadastre-se em nosso site.

Deixe seu comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>